E depois de falar em cinema aqui no blog, dou por mim a pensar que queria que por vezes a realidade fosse um filme. Porquê? Porque nos filmes os bons nunca morrem, salvam-se sempre e temos sempre um final feliz.

Este fim de semana foi realmente um contraste. Depois te ter sabido a noticia de uma senhora aqui da terra que se suicidou deixando uma bebé pequenina e um filho adolescente , chega no domingo à tarde uma notícia que foi mais um choque. Um amigo desaparecera numa barragem no Gerês. Atirou-se ao rio para salvar a filha que havia caído quando faziam um passeio de barco. E sabemos bem o que estas noticias significam...

A pergunta que fizemos aqui quando soubemos foi: Porquê ele? Uma pessoa cheia de vida, com um sorriso contagiante, com uma família maravilhosa.. Lembrei-me logo da Lena e das meninas....não imagino o que esteja a passar...perder alguém assim....

Todas estas notícias no meio de um fim de semana muito alegre, com uma ida a Fátima a uma reunião, o casamento de uma colega de trabalho, um jantar com amigos....

Se a vida fosse um filme com final feliz... mas não é!

Amanhã será o funeral do Tozé! Estaremos todos para dizer um até já e todos sabemos que ele estará lá em cima, como um anjo...olhando pelas meninas e por nós todos.

 


 

publicado por Bunny às 19:08