Alguém contava que certo dia, uma senhora estava a espera do comboio, mas como ele estava atrasado resolveu comprar um livro e um saco com biscoitos e sentou-se num banco da estação. Começou a ler o livro que estava a achar muito interessante.
Sem ela fazer muito caso chegou um senhor e sentou-se no mesmo banco ao lado dela e ela sempre entusiasmada com a leitura. Olhou pró lado e viu um saco de biscoitos e tirou um, o homem também tirou um. Ela sentiu-se indignada, mas não disse nada. E pensou para si: "Olha-me este. Se não fosse por coisas, armava já aqui a barraca..."
Entretanto ela ia tirando um biscoito e o homem outro. Estava a ficar sem paciência mas não conseguia reagir.
Quando só restava um biscoito ela esperou e quis ver o que o senhor fazia : “ O que será que ele vai fazer? “ Então o homem dividiu o biscoito ao meio. Ela irritadíssima levantou-se e entrou no comboio que entretanto chegara. Mas sempre a pensar: “ É preciso não ter vergonha nenhuma”.
O comboio arrancou e aparece o revisor a pedir o bilhete, quando ela abre a carteira para tirar o bilhete encontra o seu saco de biscoitos intacto. Sentiu muita vergonha, pois quem estava errada era ela, e já não havia mais tempo para pedir desculpas. O homem dividiu os seus biscoitos sem se sentir indignado, e ela ao contrário tinha ficado muito transtornada.

publicado por Bunny às 16:57